QUERO FALAR COM CONSULTOR

Melhores dicas para abrir uma lanchonete pequena 

A nossa planilha de fluxo de caixa vai ajudar você na organização das suas informações financeiras de forma simples ágil e inteligente.

Melhores dicas para abrir uma lanchonete pequena 

Abrir uma lanchonete pequena pode parecer muito simples, mas tudo precisa ser bem pensado. 

É necessário ter um planejamento sólido para que o projeto, que pode ser simples, não se torne um problema.

Pensando nisso, montamos uma lista com as melhores dicas para abrir uma lanchonete pequena. Confira!

1.Escolha o tipos de lanchonete 

Uma das primeiras coisas a se pensar na hora de abrir uma lanchonete pequena, é o modelo que irá montar. Isso porque, lanchonetes são muito versáteis.

Por isso, você pode usar a criatividade para criar uma que combine com seu estilo e suas preferências. Veja abaixo algumas opções:

Food Truck

Os Food Trucks, ou carros de comida, tem o mesmo conceito dos antigos trailers. 

Nessa modalidade é simples atender eventos e se locomover até locais com grande número de pessoas.

No Brasil, os Food Trucks já viraram moda e podem ser adquiridos por um valor que compensa os benefícios da estrutura. 

Além disso, é possível adquirir franquias nesse modelo, o que acontece frequentemente e pode ter boa lucratividade.

Quiosques

Os quiosques combinam completamente com praias, praças com natureza ao redor, e parques. 

São ambientes mais leves e que valorizam mais a parte externa do estabelecimento. É possível servir vários tipos de lanches nessa modalidade de lanchonete.

Mas é preciso ter atenção, porque pratos mais elaborados costumam representar mais dificuldade de preparo nos quiosques, já que estes locais costumam ser menores.

Fast Food

Os fast foods são as opções mais comuns no setor de lanchonetes. São perfeitas para centros comerciais, próximos de escolas ou shopping. 

É possível servir diferentes tipos de lanches, doces, e até combos de comidas típicas. Embora o mais pedido seja os hambúrgueres com fritas, hot dogs e outros salgados.

2.Pense na localização e público alvo

Abrir uma lanchonete pequena exige atenção extrema com a localização. Isso porque, esse tipo de negócio geralmente tem um estilo mais irreverente.

Desse modo, ele combina melhor com o conceito de refeição rápida. Mas, para quem essa característica é vantajosa? Principalmente para alunos, trabalhadores, e o público jovem.

Portanto, para atingir essa categoria de pessoas, o melhor é abrir o espaço próximo a escolas, centros comerciais, shoppings e pontos com grande movimentação.

Outra ideia interessante é estar próximo a condomínios e prédios com muitos moradores, principalmente se forem distantes da área central da cidade.

Sem um estabelecimento próximo, os moradores teriam que ir até outros restaurantes e lanchonetes distantes.

Apesar do delivery ser uma realidade nesse caso, grande parte das pessoas gosta de comprar um sanduíche ou pães quentinhos de manhã.

Pensando nisso, sua lanchonete também pode disponibilizar esse tipo de produto e, certamente, atingirá uma clientela fiel.

3.Tenha um cardápio moderno e variado

Lanchonetes são muito versáteis em relação ao cardápio. Sendo assim, você pode seguir a linha que quiser no seu estabelecimento.

É possível centralizar apenas uma categoria de pratos, como hambúrgueres e lanches rápidos, ou oferecer até pequenas refeições, como as alaminutas.

Independente da sua escolha, é sempre importante se dedicar para agradar o paladar do público variado. 

Portanto, ter um balcão aquecido, com salgados de vários tipos e outros itens pré prontos é uma ótima tática.

Veja algumas opções para o cardápio da sua lanchonete:

  • Cachorro quente;
  • Hambúrguer;
  • Sanduíches variados;
  • Calzones;
  • Pastéis;
  • Folhados;
  • Empadas;
  • Risoles;
  • Pão de queijo;
  • Frutas;
  • Saladas;
  • Bauru;
  • Batatas fritas;
  • Refrigerantes;
  • Sucos naturais;
  • Cafés.

Tenha uma especialidade

Apesar da variedade ser importante, é necessário ter algo especial. Mas como assim? 

Bom, em um centro movimentado, geralmente há um grande número de restaurantes, bares e lanchonetes.

Pensando nisso, a pergunta que fica é: Como conseguir clientes com toda essa competição?  

Uma boa estratégia que tem bons resultados para isso, é ter um prato que é marca da lanchonete. Algo que apenas você tem para vender.

Pode ser um salgado com receita autoral, um sabor com ingrediente diferenciado, ou até mesmo preparos completamente caseiros. 

Geralmente, as lanchonetes usam muito os industrializados, por isso, apostar em preparos caseiros e orgânicos é um grande diferencial.

Pense nas dietas especiais

Uma boa forma de estruturar  o seu negócio é trabalhando com as dietas especiais.

O cardápio vegetariano, vegano, fitness e exclusivo para pessoas com intolerância a alguns componentes, é um diferencial importante e que valoriza o seu negócio.

Nesse caso,  é possível abrir uma lanchonete pequena apenas com esse tipo de cardápio, mas se preferir, ele também pode ser inserido em um espaço com estilo fast food.

Nesse caso, trabalhe seu marketing para gerar valor sobre esse diferencial. Abaixo, separamos alguns pratos que podem fazer sucesso nesse sentido.

Lanches fitness Lanches veganos
  • Crepioca
  • Bolinho de aveia
  • Biscoito de aveia
  • Bolinhos de batata doce
  • Empada de batata doce com frango
  • Hambúrguer fit
  • Coxinha Low Carb
  • Pão de queijo fit
  • Pão de espinafre
  • Vitaminas variadas
  • Brownie Vegano 
  • Quibe vegano
  • Coxinha de Jaca
  • Falafel
  • Bolo de fubá vegano
  • Cookie vegano
  • Guacamole
  • Churros veganos
  • Pipoca
  • Hamburguer de vegetais

4.Planeje a estrutura física

Essa etapa pode ser considerada um grande problema, mas abrir uma lanchonete pequena facilita a escolha do imóvel.

Se o espaço for realmente pequeno, é possível colocar mesas na área externa e optar por banquetas em torno do balcão, essa é uma boa ideia para economizar espaço.

Embora o tamanho possa ser menor, não dá para deixar o capricho em segundo plano.

Por isso, o cuidado com a decoração e planejamento para que o estabelecimento fique aconchegante, não deve ser ignorado.

Crie um espaço moderno, minimalista, com um clima leve. Para isso, utilizar plantas naturais e cores claras em tons de verde é uma ótima pedida.

5.Dê importância para a divulgação

Se você quer abrir uma lanchonete pequena, precisará de clientes. E apenas abrir as portas não será suficiente para que as pessoas conheçam o seu empreendimento.

Por isso, é necessário ter estratégias para divulgação da sua marca. Lembre-se que sem o marketing, é muito difícil tornar um negócio estável hoje em dia.

Por isso, há algumas ações que você pode levantar no seu empreendimento, veja abaixo quais atitudes simples podem fazer a diferença na divulgação:

  • Distribuição de folders e impressos;
  • Posts atrativos nas redes sociais;
  • Vídeos;
  • Fotos de qualidade sobre o cardápio;
  • Fachada atraente e moderna.

6.Que tal trabalhar com delivery?

O delivery é perfeito para quem tem uma lanchonete pequena. Se o problema para vendas não aumentarem for a falta de espaço, fazer entregas vai resolver isso!

Portanto, pense na possibilidade de vender através dos aplicativos de delivery, como Rappi, iFood, Uber Eats. Utilizando-os, você já terá um marketing elevado.

Isso porque, um número gigantesco de pessoas procura esses aplicativos diariamente para escolher seus pedidos.

Se o seu cardápio for montado cuidadosamente dentro dos apps, com fotos atrativas e uma boa descrição, as chances de vender muito mais e ser conhecido crescem bastante!

Além do mais, você não precisará se preocupar por estar localizado em um ponto não tão favorável.

Se quiser abrir uma lanchonete de sucesso, a nossa dica é sim, utilizar o delivery e todas as suas vantagens, sem descuidar do bom atendimento e capricho nas embalagens.

7.Preze pela qualidade dos produtos

Pensar na qualidade dos alimentos é, com certeza, fundamental para que os clientes sejam fidelizados. 

Não adianta oferecer vários tipos de lanches e refeições, se para isso a qualidade precisa ser sacrificada.

Seja realista, entenda que não é possível entregar uma variedade gigantesca e garantir excelência em todos os preparos, pelo menos, não em um início de negócio.

Por isso, se o melhor para você for ter apenas uma categoria de lanche, faça isso. Principalmente se sua equipe for pequena.

Lanches pré prontos ou caseiros?

Essa é  uma dúvida presente em muitos empreendedores que querem abrir uma lanchonete pequena. 

Para tomar essa decisão, é preciso avaliar os produtos dos fornecedores, seus valores e sua qualidade. 

Grande parte desse tipo de estabelecimento opta por comprar salgados e lanches pré prontos, e apenas os assar. Isso não é errado e ajuda quando a demanda é muito grande.

Mas, se o seu público alvo for mais seleto, é importante preparar os lanches de forma mais caseira, com a procedência que o cliente conhece. 

Nesse caso, é um diferencial que pode atrair mais fregueses, já que a alimentação saudável faz parte da rotina de cada vez mais pessoas.

8.Tenha responsabilidade financeira

Nossa última dica tem a ver com todas as etapas anteriores, já que envolve finanças. 

É impossível conseguir atingir sucesso em qualquer tipo de negócio de alimentação sem ter controle sobre a parte econômica.

Por isso, não se iluda achando que o porte da sua lanchonete deixará o processo de controle mais simples.

Portanto, para otimizar o seu orçamento e garantir os meses bem longe do vermelho, seja consciente na hora de comprar equipamentos, contratar funcionários e gerenciar o estoque.

Para fazer isso de forma mais prática, monte um plano de negócios que contemple todo o seu investimento, metas, prazos e despesas.

Seguindo essas dicas para abrir uma lanchonete pequena, você certamente conseguirá criar um estabelecimento com muito futuro. Boa sorte!

Baixe Materiais Gratuitos