Aprenda a fazer fluxo de caixa para bar, restaurante e delivery!

Fluxo de caixa bar, restaurante e delivery 

Caso seu estabelecimento seja um bar, restaurante ou delivery, é importante que você classifique o que pertence a cada modalidade.

Dessa forma você terá maior controle e será mais fácil organizar o financeiro do seu empreendimento.

É importante lembrar que, por segurança, é preciso guardar uma quantia para eventuais gastos de urgência. Nada mais que um pézinho de meia.

Fazer o fluxo de caixa bar, restaurante e delivery ajuda a controlar os gastos e também a ser mais assertivo na hora das compras.

Com esta estratégia em prática, você evita  gastos desnecessários e o apodrecimento de frutas, caso seu bar sirva drinques com frutas frescas, por exemplo.

Então, é possível afirmar que o fluxo de caixa é vital para a saúde do seu negócio.

Como fazer o fluxo de caixa para restaurante?  

Para fazer o cálculo do fluxo de caixa de um restaurante você precisará anotar todas as entradas de capital e também todas as saídas.

Contas de água, luz, salário dos funcionários, pagamento de fornecedores, tudo isso entra na sua planilha.

Assim como todos os seus ganhos do mês. É importante que tudo esteja organizado para evitar deslizes.

Você precisa calcular também o preço de custo de cada produto que seu restaurante oferece.

Dessa forma você saberá se não está cobrando pouco ou caro demais pelos seus pratos e lanches.

É importante que você não esqueça de calcular os impostos e também a mão de obra dos seus funcionários para produção.

Além disso, calcule também sua margem de lucro e aí coloque o preço. Depois disso coloque na sua planilha.

Agora que você já tem as informações que precisa para começar o seu plano de caixa, é arregaçar as mangas e trabalhar. 

Como fazer fluxo de caixa para bar?

Embora pareça complicado, fazer o fluxo de caixa bar não é difícil, basta prestar atenção.  

Primeiramente é necessário juntar todas as informações de gastos do seu bar.

Isso inclui o pagamento de fornecedores e também o preço de custo de cada produto oferecido.

Entretanto, é imprescindível a atenção nesse momento e uma revisão sempre é bem vinda

Do mesmo modo, é preciso informar os gastos com pessoal, aluguel e empréstimos (caso seu empreendimento tenha algum).

Fluxo de caixa para bar: Cálculo

Assim como em outros tipos de negócio, fazer o fluxo de caixa é muito simples, basta somar todos os seus ganhos e subtrair seus gastos.

Dessa maneira, você terá que descrever todas as suas saídas de dinheiro em um seguimento.

É importante lembrar que quanto mais específico for a sua descrição, melhor.

Em outro segmento você colocará todas as entradas de capital: contas pagas, fechamento de caixa, e outras coisas.

Posteriormente é só diminuir as perdas totais do valor total dos ganhos, e pronto!

Como fazer fluxo de caixa para bar e restaurante? 

Hoje em dia existem diversos tipos de negócios. Mesmo atuando de maneiras diferentes, a parte financeira funciona de maneira similar. 

Sendo assim, o fluxo de caixa para bar e restaurante opera da mesma forma. Ou seja, você precisará juntar informações do que é gasto, além das entradas e saídas. 

Não esqueça que isso inclui o pagamento de fornecedores e o preço de custo de cada produto oferecido.

Lembre-se também que é imprescindível a atenção nesse momento e uma revisão sempre é bem vinda.

Do mesmo modo, é preciso informar os gastos com pessoal, aluguel e empréstimos (caso seu empreendimento tenha algum).

Fluxo de caixa para delivery 

De acordo com a revista Exame, toda a empresa, em especial as pequenas, devem ter um bom controle de fluxo de caixa. 

Quando se fala nesta função, nenhum tipo de negócio está livre. O que pode acontecer é a adoção de tipos diferentes conforme o tipo de estabelecimento. 

Ou seja, uma loja de roupas pode optar pelo fluxo de caixa operacional e uma empresa pelo fluxo de caixa projetado, por exemplo. 

Mas, quando se fala em fluxo de caixa para delivery, você pode usar como base o mesmo controle feito para restaurante. 

Isto é, você pode usar o fluxo de caixa já explicado no seu bar, restaurante ou delivery desde que siga as instruções do processo corretamente. 

Apenas para recapitular, um fluxo de caixa para delivery deve ser feito da seguinte maneira: 

  • Verificação do saldo inicial do delivery (do caixa do local); 
  • Classificação das receitas e despesas; 
  • Registro de todas as entradas do período; 
  • Registro de todas as saídas do período; 
  • Atualização e correção dos lançamentos financeiros. 

 

Demonstrativo de fluxo de caixa: Saiba o que é! 

Agora você que já sabe o que é fluxo de caixa, é importante ter conhecimento sobre o demonstrativo. 

Esta função é responsável por indicar onde, quando, quanto e como as entradas e saídas de dinheiro do mês acontecem. 

Com o demonstrativo do fluxo de caixa você consegue mapear todas essas atividades, oferecendo uma visão mais completa e clara do seu dinheiro. 

Para que o processo funcione bem, é indicado que faça o demonstrativo mensalmente no primeiro ano da empresa e trimestralmente nos anos consecutivos. 

Além disso, é fundamental que construa uma planilha, até porque você precisa guardar as informações em algum lugar. 

E então, está pronto para começar? Aposto que agora o seu restaurante, bar ou delivery vai funcionar ainda melhor! 

Baixe a Planilha de Fluxo de Caixa Diário