FALE COM CONSULTOR SAIPOS

Aprenda como consultar o saldo da Nota Fiscal Paulista!

Como consultar o saldo da Nota Fiscal Paulista para meu restaurante?

Para consultar o saldo da Nota Fiscal Paulista é muito fácil:

1) É só acessar o site da Secretaria da Fazenda, inserir seu CPF/CNPJ no campo em branco e clicar em “Consultar”.

2) Após, informe seu CPF/CNPJ e clique em “Consultar”, abrirá uma outra aba no seu navegador, para acesso ao sistema da Nota Fiscal Paulista.

Nesta tela, selecione o campo “Consumidor” e informe seu CPF/CNPJ e a senha cadastrada para fazer parte do programa Nota Fiscal Paulista.

Caso tenha esquecido a senha, clique na opção “Esqueci minha senha” e siga as orientações.

Nota Fiscal Paulista: consultar o saldo

Na próxima tela, você deve escolher a opção “Utilizar Créditos”, se por ventura deseje resgatar o dinheiro para a sua conta corrente ou conta poupança cadastrada, ou ainda para abater do IPVA.

Dessa forma, o saldo da Nota Fiscal Paulista fica disponível para ser resgatado pelo consumidor durante cinco anos.

Restaurantes que participam da Nota Fiscal Paulista podem escolher por adquirir o crédito em dinheiro ou como desconto no IPVA.

Também existe a opção de doar os créditos da Nota Fiscal Paulista a uma instituição de assistência social ou de saúde cadastradas no programa.

No entanto, atenção: por ser facultativa e não obrigatória, a aquisição do consumidor só é apontada na Nota Fiscal Paulista quando o CPF é informado.

O que é a nota fiscal Paulista?

A Nota Fiscal Paulista é um programa criado pelo Governo do Estado de São Paulo e pela Secretaria da Fazenda para estimular o público a fazer a solicitação da nota fiscal na aquisição de produtos e serviços e afastar a sonegação fiscal.

Toda vez que uma compra de produto ou serviço é executada, o público cadastrado no programa recebe de 5% a 30% do ICMS (imposto sobre circulação de produtos e serviços).

Veja como funciona a Nota Fiscal Paulista, conforme as diretrizes da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo:

1) Em cada aquisição, de um produto ou serviço, o consumidor informa seu CPF/CNPJ e pede sua Nota Fiscal/Cupom Fiscal ou Nota Fiscal Eletrônica;

2) A pessoa que vendeu o produto ou serviço irá registrar o CPF/CNPJ do cliente Ele emite o Cupom Fiscal, a Nota Fiscal Tradicional ou gera, no site, a Nota online;

3) Após o pagamento do ICMS pela empresa, a Secretaria da Fazenda credita ao comprador a parcela do imposto a que ele tem direito, proporcional ao valor da compra do produto ou serviço;

4) O crédito poderá, dentro de cinco anos, ser utilizado para reduzir o valor do débito do IPVA, transferido para Nota Fiscal Paulista conta corrente ou poupança.

Dessa maneira, é necessário estar com todas as contas do seu negócio organizadas, e isso é uma tarefa que requer muita atenção.

Para facilitar nessa ordem, a Saipos criou gratuitamente uma planilha de fluxo de caixa para você usar no seu restaurante. Aperte no banner e baixe grátis!

Como fazer parte do programa da Nota Fiscal Paulista

Para fazer parte do programa Nota Fiscal Paulista, o consumidor deve informar o CPF no instante da aquisição do produto ou serviço e, para completar o seu registro, entrar e acessar o site da Secretaria da Fazenda.

1) Na página, do lado direito, em “Cadastre-se”, clique na opção “Pessoa Física” ou “Pessoa Jurídica”;
2) Na próxima página você deve preencher as áreas obrigatórios: CPF, sua data de nascimento, nome completo de sua mãe e imagem de segurança, depois, clique em “Avançar”.

3) Na tela seguinte, deve-se preencher todos os dados para finalizar seu registro no programa de Nota Fiscal Paulista e, após isto, você poderá realizar a consulta do saldo.

Como recuperar a senha da Nota fiscal eletrônica

Para restabelecer a senha de acesso ao programa Nota Fiscal Paulista, você deve acessar a página do sistema e escolher a alternativa “Consumidor”, digite seu CPF/CNPJ e clique em “Esqueci minha senha:

Nota Fiscal Paulista: acesso bloqueado, o que fazer?

​Para pedir o desbloqueio da senha de acesso ao sistema da Nota Fiscal Paulista, procure:

  • Qualquer Posto Fiscal da Secretaria da Fazenda;
  • Unidade do PROCON conveniada ao Estado de São Paulo;
  • Unidade do Poupatempo com atendimento da Secretaria da Fazenda.

Você preencherá a requisição de desbloqueio de senha da Nota Fiscal Paulista e precisará ter em mãos os seguintes documentos:

  • CPF: uma cópia simples, seguida do original;
  • RG ou CNH: uma cópia simples, seguida da original;
  • Se por acaso os documentos sejam encaminhados por terceiros, a requisição precisará possuir empresa reconhecida juntamente com a cópia simples do RG e CPF. 

Pelos Correios:

O consumidor precisará completar a requisição de desbloqueio de senha da Nota Fiscal Paulista, assinar e reconhecer empresa.

Dessa forma, também precisará mandar juntamente com a solicitação, uma cópia simples de documentação de identidade e do CPF (ou CNH).

Endereço de correspondência:

Secretaria da Fazenda
Central de Pronto Atendimento – CPA/Capital, DEAT
Assunto: “Nota Fiscal Paulista”
Av. Rangel Pestana, 300 – térreo
São Paulo – SP, CEP 01017-911

Como ganhar mais créditos na Nota Fiscal Paulista?

Em 2017, foi anunciada uma mudança no percentual do crédito a recolher da Nota Fiscal Paulista.

Antes, ao realizar uma aquisição de produto ou serviço, e pedir a Nota Fiscal Paulista, 20% do ICMS era devolvido ao consumidor.

Agora, com a nova norma o percentual varia de 5% a 30%, de acordo com o setor.

Há setores que não geram créditos na Nota Fiscal Paulista, como tabacarias e lojas de fogos de artifícios.

Confira na tabela onde ganhar mais créditos com a Nota Fiscal Paulista:

% de devolução do imposto recolhido Principais setores
30% Comércio varejista de jornais, livros e revistas (bancas);

Açougues e peixarias.

20% Varejo de pneus e câmaras, lubrificantes;
Lojas de conveniência;
Varejo de revestimentos da indústria de construção, vidros, areia, telhas;
Comércio varejista de artigos fotográficos;
Comércio varejista de equipamentos de telefonia;
Loja de instrumentos musicais;
Loja de materiais de construção;
Gás;
Loja de bijuterias e relógios;
10% Restaurantes, lanchonetes, bares, varejo de bebidas, padaria e confeitaria;
Hortifrutigranjeiros;
Comércio varejista de laticínios e frios.
5% Loja de eletrodomésticos, calçados, roupas, brinquedos; tintas;
Carros;
Farmácias;
Floriculturas;
Joalherias;
Petshops.
0% Tabacaria;
Comércio varejista de fogos de artifício;

Nota Fiscal Paulista: sorteios e prêmios

Todo mês, a Nota Fiscal Paulista sorteia prêmios em dinheiro de até R$ 1 milhão! A cada R$ 100,00 em compras, o consumidor ganha um bilhete eletrônico para concorrer aos prêmios.

Para fazer parte dos sorteios da Nota Fiscal Paulista, você precisa se cadastrar no site do programa e aceite o regulamento.

As adesões até o dia 25 de cada mês possibilitam a participação no mês seguinte. Após aceitar o regulamento, não é preciso de repetir a adesão, que vale para todos os sorteios.

Então, para descobrir se você foi contemplado no sorteio da Nota Fiscal Paulista, é preciso deve acompanhar o resultado no site.

O resgate do dinheiro pode ser feito em até cinco anos.

Resumo

Planilha de Fluxo de Caixa Mensal - Baixe Grátis!