Como emitir boleto do MEI atrasado?

Se você perdeu a data de pagamento do DAS do MEI, saiba que é possível fazer a emissão do boleto atrasado.

Mas é importante ficar atento para que isso não aconteça. Manter o pagamento dos impostos em dia, além de ser uma obrigação, evita problemas futuros.

Mesmo que não seja necessário contratar um contador para cuidar da vida financeira da empresa, o Microempreendedor deve sempre estar em dia.

Fazer a emissão do boleto atrasado é muito simples. Justamente por isso, é necessário ficar atento para não acabar esquecendo.

A emissão de um novo DAS é necessário, caso o boleto seja atrasado, pois o DAS com a data vencida já não vale mais.

Como gerar o boleto do MEI?

Como já falamos, é importante que você não esqueça do pagamento da guia única, mas caso aconteça é preciso saber como emitir.  O Microempreendedor individual tem um DAS com valores fixos, são eles:

  • Comércio ou indústria: 50, 90 reais
  • Prestação de serviço: 54,90  reais
  • Comércio e serviços: 55,90 reais

O Microempreendedor que atrasar dois meses de pagamento do Documento de Arrecadação perde os benefícios da previdência social.

Mas para você emitir o DAS do Microempreendedor Individual faça o seguinte:

  • Acesse o PGMEI;
  • Insira seu CNPJ;
  • Clique no lugar da página onde estiver escrito ‘Emitir Guia de Pagamento(DAS)’;
  • Depois vá em ‘Informe o Ano-Calendário:’, após isso selecione o ano e aperte ‘Ok’;
  • Na sequência você poderá visualizar todos os 12 meses do ano e a situação de cada um;
  • Você poderá selecionar os meses que estão como pendentes;
  • Escolha nova data de pagamento, após clique em ‘Emitir DAS’;
  • É só fazer o pagamento.

O que é o DAS?

Vamos entender melhor o que é o Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS).

Para os Microempreendedores Individuais, os tributos cobrados são diferenciados. Esses impostos cobrados têm valores menores e invariáveis.

Caso você atrase esse pagamento pode ocorrer o cancelamento do MEI e a dívida segue em aberto. O Documento de Arrecadação do Simples Nacional pode ser pago de três maneiras diferentes, são elas:

  • Débito automático
  • Pagamento online
  • Boleto bancário

Caso você tenha optado por débito automático, essa opção deve ser desativada caso passe a receber algum benefício da Previdência.

Parcelamento DAS MEI

Caso tenha atrasado mais de uma guia única com os impostos, é possível que se faça o dos débitos que estiverem em atraso.

O Microempreendedor Individual pode realizar a solicitação e realizar o parcelamento em até 60 vezes. O valor mínimo da parcela é de 50 reais.

Quais são os impostos do MEI?

Como já falamos, os impostos cobrados no Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS) do MEI depende da atividade que a empresa exercer.

Apesar dos valores serem sempre os mesmos, é interessante você saber quais são os tributos reunidos em guia única. Por isso, confira abaixo:

  • INSS- tributo federal;
  • ICMS- tributo estadual;
  • ISS- tributo municipal.

Agora confira os valores por atividade econômica e veja em qual delas sua empresa se encaixa:

  • Comércio ou indústria: 50, 90 reais;
  • Prestação de serviço: 54,90  reais;
  • Comércio e serviços: 55,90 reais.

Ao abrir a sua empresa, você informará qual é a sua atividade econômica e automaticamente será enquadrado em uma das opções.  Após isso você saberá quais impostos vai pagar.
 

 

Impostos MEI

Veja onde sua empresa se enquadra e que tipo de impostos você terá que pagar:

  • Prestadora de serviços: caso sua empresa se enquadre como prestadora de serviços, você terá que pagar o INSS e o ISS;
  • Comércio/Indústria: se sua empresa se enquadra em uma dessas opções, você terá que pagar o INSS e o ICMS;
  • Comércio e Prestação de Serviços: caso a sua empresa mescle os dois tipos de serviço, você terá que pagar INSS, ICMS e ISS.

Mas esse enquadramento é feito automaticamente e os impostos, consequentemente, serão emitidos de forma clara para que você compreenda.

Vencimento do DAS do MEI

Como já falamos, manter o pagamento desses impostos em dia é essencial para deixar tudo certo com o funcionamento do MEI.

O vencimento do DAS cai dia 20 de todo o mês. Entretanto, caso o vencimento seja em um final de semana ou feriado, o boleto deverá ser pago no próximo dia útil.

Uma das vantagens de se tornar um Microempreendedor Individual é que você passa a ter um CNPJ.

O CNPJ permite que você abra uma conta de pessoa jurídica, em nome da sua empresa. Isso facilitará a vida financeira da empresa. Dessa forma, os fluxos financeiros do MEI ficará separado da sua conta pessoal

Além de você conseguir organizar melhor a vida financeira da empresa e a pessoal, sua empresa poderá pegar empréstimos na rede bancária, emitir boleto e aceitar cartões de débito e crédito.

Atraso DAS do MEI

Se você acabar atrasando o pagamento do DAS, infelizmente terá que pagar multas e juros. O valor da multa é 0,33% a 20% por dia. Em relação a cobrança dos juros, o valor segue a Taxa Selic.

O cálculo dos juros é decidido a partir do próximo mês, em relação ao de vencimento, até o mês anterior ao de pagamento.  Além dessas multas e juros, será cobrado 1% relativo ao mês que está sendo pago o boleto.

Ou seja, se você atrasar o DAS de março e realizar esse pagamento apenas em junho, terá que pagar multas, juros, mais 1% referente aos meses de abril, maio e junho.

Então evite atrasar o DAS do MEI para que não tenha que pagar juros e multas sobre o valor real.  

Conheça o sistema ideal para o seu restaurante