QUERO FALAR COM CONSULTOR

Como funciona o trabalho do sommelier no restaurante?

Conteúdo Revista Adega- Esse profissional especializado no serviço do vinho está nos restaurantes para ajudar você a escolher melhor

Você chega ao restaurante, solicita uma mesa, o maître lhe indica seu lugar, acomoda-o e deixa-lhe o cardápio. Até aí, tudo bem. Porém, você está a fim de beber um vinho e pede a carta.

Logo, um homem de terno surge, engravatado, com alguns botons (ou pins) na lapela. É o sommelier. Diante de uma figura tão imponente, muita gente se amedronta e sequer consegue pedir um vinho. No entanto, esse medo é infundado.

O sommelier é o profissional contratado pelo restaurante exatamente para ajudar o cliente na escolha do vinho e também para fazer todo o serviço relacionado à bebida da forma correta, como, por exemplo, assegurar que a garrafa esteja na temperatura certa, que as taças sejam adequadas etc.

Ainda assim, às vezes, a falta de conhecimento de alguns enófilos de primeira viagem e a postura extremamente formal (nem sempre) do sommelier pode deixar muitos consumidores desconfortáveis na hora de selecionar seus vinhos no restaurante.

Contudo, mesmo que você não seja um expert, não deve ter receio de trocar uma ideia e pedir sugestões ao profissional que está ali para lhe servir e orientar. Esse é o papel dele. Ele não está lá para intimidar.

A carta

Então, por mais inexperiente que você seja em matéria de vinho, mas ainda assim tem vontade de beber algo no restaurante com sua namorada ou seus amigos, vá em frente. Peça a carta de vinhos.

Ela tem muitos rótulos e você não sabe por onde começar? Peça ajuda ao sommelier.

Primeiramente, indique que tipo de vinho você gostaria de beber. Espumante? Branco? Tinto? Rosé? Depois, se você souber o tipo de uva ou então o país de origem ou ainda o estilo que prefere, ajuda muito, pois diminui a gama de escolhas, tornando mais fácil a busca por um vinho que agrade o seu paladar.

Em seguida, também é interessante dar um parâmetro de preço que você está disposto a pagar pelo vinho. Com essas informações, o sommelier vai poder lhe indicar algo com mais precisão.

Outra opção é quando você quer algo que combine com a comida que vai pedir. O sommelier, além de conhecer as caraterísticas do vinho, costuma também conhecer o cardápio do restaurante a fundo e pode sugerir as melhores combinações.

Enfim, não tenha medo de perguntar. O bom sommelier não vai tratar a sua dúvida com desdenho e nem vai lhe deixar embaraçado diante de sua companhia, caso você não tenha o mesmo grau de expertise dele.

Esses profissionais são treinados para oferecer um serviço de primeira linha, valorizando o cliente que opta pela bebida que fez com que ele fosse contratado pelo restaurante.

Enólogo, enófilo e sommelier

Muitos ainda confundem os termos enólogo, enófilo e sommelier. A distinção é simples: enófilo é todo aquele que gosta de vinho.

Etimologicamente, o sufixo “filo” nas palavras indica “amigo, aquele que gosta, que ama”. Enófilo seria o amigo do vinho.

Enólogo, por sua vez, é quem estuda o vinho e seu modo de produção. Etimologicamente também, o sufixo “logo” indica o estudioso de um tema.

Por fim, sommelier (ou escanção, como é conhecido em Portugal) é o profissional que cuida de bebidas alcoólicas, especialmente vinho, em um restaurante.

O termo vem da idade média, de uma palavra francesa que designava o encarregado das bagagens e condutor das carruagens da corte.

Acostume-se ao ritual

Um dos maiores medos das pessoas perante o sommelier, além do momento de escolher o vinho na carta, é na hora em que ele faz o serviço. Contudo, o ritual do serviço é sempre o mesmo e teoricamente bem simples.

Basta acostumar-se a ele. Primeiramente, depois de selecionado o rótulo, o sommelier deve trazer a garrafa e mostrá-la.

Você deve apenas conferir se é aquele vinho mesmo que você pediu. Em seguida, ele deve abrir a garrafa na mesa ou em algum lugar onde você possa ver.

Rolha sacada, ele a coloca na mesa à sua frente. Nesse momento, não é preciso fazer nada. Por fim, o sommelier vai servir um pouquinho de vinho em sua taça para que você prove e veja se está tudo em ordem.

Aí, se o vinho não tiver defeitos (cheiro mofado e gosto acetinado, por exemplo), você apenas acena com a cabeça e o sommelier vai servir os outros integrantes da mesa, completando sua taça no final. Simples.

 

Baixe a Planilha de Fluxo de Caixa Diário