QUERO FALAR COM CONSULTOR

Delivery de comida chinesa: como montar?

Delivery de comida chinesa: como montar?

Para montar um restaurante delivery de comida chinesa, é necessário priorizar o planejamento do cardápio, embalagens corretas e bons fornecedores.

A quantidade de pessoas que têm aderido ao serviço de  delivery tem crescido bastante. E um dos pontos desse crescimento é a oportunidade de comer algo que gostam no conforto da sua casa.

Para esse projeto é preciso ter um bom sistema de entrega, com pessoas capacitadas , e ter um transporte ágil.

Por isso, a Saipos preparou algumas dicas para te ajudar a montar o seu delivery de comida chinesa de uma maneira muito mais fácil, confira!

Cardápio de comida chinesa

A comida chinesa, assim como a dos restaurantes japoneses, é muito diversificada e quanto mais opções você oferece, mais procura terá. Para iniciar a produção desses pratos é preciso ter muita habilidade e uma boa indicação de cursos na área.

Como há uma gama muito grande de pratos, você poderá dar uma variada no cardápio, itens inserir nas opções,  mais fácil será de atrair clientes.

No entanto, a presença de peixes é bem forte. Inclusive, muitas pessoas montam restaurantes de frutos do mar, apenas.

Portanto, pesquise a fundo quais são os principais pratos da culinária chinesa. Para te ajudar, selecionamos algumas receitas típicas que agradam muito os brasileiros, veja:

Yakissoba

O Yakissoba significa “macarrão frito ao molho”. O preparo é feito com macarrão, geralmente do tipo talharim ou lámen, refogado com legumes e carnes.

Rolinhos Primavera

Os rolinhos primavera surgiram na China, e deram origem ao tradicional “enroladinho”, salgado sempre presente nas festas. A receita é bem simples.

Trata-se de uma massa feita com farinha de arroz, originalmente, mas pode ser substituída por trigo. O recheio é composto por vegetais cortados bem fininho, e ainda pode ser acrescentado carnes ou camarão.

Os rolinhos podem ser fritos ou assados, e acompanhados com molho forte.

Frango Xadrez

O frango xadrez, apesar de ter sua origem na China, tem uma cara bem brasileira. Por isso, agrada a maioria das pessoas. O prato consiste em vários tipos de legumes cortado em cubos.

Como proteínas, na maioria das vezes o frango é utilizado. Mas como diferencial, é possível oferecer outros alimentos no lugar, como carne bovina, camarão e peixes.

Pato a Pequim

O pato a pequim é muito comum na China, visto como um dos principais pratos do país. O pato é assado com molhos especiais e adquire uma coloração avermelhada. 

Após, ele é fatiado de forma muito fina e servido com acompanhamento de crepes também muito finos.

Mas, existem ainda, vários outros pratos que você pode levar para o seu cardápio. Mas é muito importante ter um fornecedor de confiança, já que vai precisar de alguns ingredientes frágeis. Veja abaixo quais são os principais produtos para as suas receitas.

  • Peixes e frutos do mar
  • Macarrão
  • Vegetais
  • Arroz
  • Tofu
  • Cogumelos
  • Molho de soja
  • Trigo

Embalagens para comida chinesa

Montar um delivery de comida chinesa exige alguns cuidados específicos, e as embalagens é um deles. Por isso, fique atento quando for escolher qual o melhor tipo de invólucro para o seu produto.

Porque alguns alimentos como o Yakissoba possuem muito líquido na sua composição, e isso pode interferir no processo de entrega, já que é normal que

Delivery de comida chinesa dá dinheiro?

Sim! Sem dúvidas é um negócio bem lucrativo e não é atoa que tem ganho muito espaço no mercado brasileiro.

Portanto, esperado de faturamento médio mensal é de aproximadamente R$15 mil reais, trabalhando em uma cidade de pequeno/ médio porte.

Não há como precisar um valor exato, já que isso vai depender do tamanho da cidade, do número de clientes, dos concorrentes e de alguns outros fatores.

Pela fama da comida chinesa ser bem grande no Brasil, um delivery dessa culinária tem grandes chances de dar muito dinheiro.

Por isso, para ganhar dinheiro, você precisará ter um lugar adequado, mesmo que seja um delivery, é necessário ter um local de atendimento, com boa localização, segurança e higiene.

Ter um número mínimo de funcionários para que não haja sobrecarga e garantir a eficiência do seu atendimento é primordial para fidelizar clientes.

Equipamentos para restaurante delivery de comida chinesa

Por mais que seja apenas um lugar para fazer a comida, é preciso de uma estrutura básica para manter uma administração, local para os motoboys e local de preparo.

Para a área administrativa, deve-se ter um computador, uma impressora, mesas, telefones, cadeiras e armários/ estantes.

Já para a área de cozinha: cortador de frios, buffet, exaustor, espremedor de frutas, extrator industrial de sucos, fogão industrial, geladeira, microondas, freezer horizonta, vitrines geladas, utensílios de cozinha, multiprocessador de alimentos, mesas e cadeiras.

Todos os equipamentos para o restaurante devem estar bem conservados, limpos e funcionando. A temperatura de armazenagem deve ser regulada para que os alimentos quentes fiquem acima de 60ºC e os alimentos frios, abaixo de 5ºC.

Busque sempre informações junto aos fabricantes para conhecer o tempo médio de duração de seus equipamentos. Podendo fazer uma análise de custo-benefício para a sua aquisição de novos ou usados.

Alvará de funcionamento para restaurante de comida chinesa

O primeiro passo é contratar um profissional habilitado para elaborar os atos constitutivos da empresa e para ajudar a conseguir o alvará de funcionamento e as licenças para a operação.

O profissional também irá te informar sobre a legislação tributária que mais se adeque ao seu negócio.

É preciso se certificar que este prestador de serviço seja habilitado no Conselho Regional de Contabilidade e sem reclamações registradas contra ele.

A empresa só poderá iniciar as suas atividades depois de cumprir essas etapas.

Registro da empresa nos órgãos:

1. Junta Comercial;
2. Secretaria da Receita Federal (CNPJ);
3. Secretaria Estadual de Fazenda;
4. Prefeitura Municipal ( para conseguir o alvará de funcionamento);
5. Enquadramento na Entidade Sindical Patronal em que a empresa se enquadra (é obrigatório o recolhimento da Contribuição Sindical Patronal por ocasião da constituição da empresa e até o dia 31 de janeiro de cada ano);
6. Caixa Econômica Federal, para cadastramento no sistema “Conectividade Social – INSS/FGTS”;
7. Corpo de Bombeiros Militar.

Outras providências necessárias

  • Obter o alvará de licença sanitária, adequando às instalações de acordo com o Código Sanitário;
  • No cenário nacional, a fiscalização cabe à Agência Nacional de Vigilância Sanitária, estadual e municipal fica a cargo das Secretarias Estadual e Municipal de Saúde (quando for o caso);
  • Preparar e enviar o requerimento ao Chefe do DFA/SIV do Estado, com a solicitação das instalações e equipamentos;
  • Solicitar a autorização para impressão de notas fiscais ou optar pelo sistema de nota fiscal eletrônica.

Há uma série de leis, resoluções e portarias relacionadas ao manuseio, armazenamento e produção de alimentos, onde a legislação federal pode ser complementada pelos órgãos estaduais e municipais de vigilância sanitária.

Em alguns estados e municípios, os estabelecimentos que produzem ou manipulam alimentos, só podem funcionar mediante licença de funcionamento e alvará expedido pela autoridade sanitária competente.

Esta vistoria no estabelecimento segue o código sanitário vigente e é feita por fiscais da prefeitura local.

Empresas que fornecem serviços e produtos no mercado de consumo devem estar atentas as regras de proteção ao consumidor, estabelecidas pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC).

Não descuide da sua propaganda

Se você pensa em ter um delivery de comida chinesa, vai precisar aparecer bastante nas redes sociais. Ter um bom marketing é uma qualidade de ótimos restaurantes. Por isso, não descuide dessa etapa.

Então, dedique tempo e planejamento para preparar algum material atrativo do seu produto, como alguma arte digital interessante para compartilhar, logotipo e logomarca.

Tirar fotos reais dos pratos faz uma grande diferença nesse processo. Então, tente produzir imagens bem claras e que enchem os olhos, sabe?

Assim, fica mais fácil de encantar o cliente, aumentando as chances de traze-lo para o seu estabelecimento.

Resumo

Ebook 5 dicas para divulgar seu restaurante