QUERO FALAR COM CONSULTOR

Franquias de Restaurantes: entenda vantagens e desafios

Franquias de Restaurantes: entenda vantagens e desafios

Lembra como antigamente só se comia fora de casa em alguma ocasião especial ou quando sobrava
aquela graninha extra? Se você tem menos de 30 anos de idade provavelmente não pegou essa fase.

Mas, acredite: se hoje fazer refeições fora de casa se tornou um hábito comum entre brasileiros um dia já foi considerado “luxo”.

Por isso, vamos mostrar neste conteúdo os motivos que fazem o setor de foodservice avançar cada vez mais assim como as franquias de alimentação.

Confira também as vantagens e desafios de empreender no segmento!

Por que o setor de alimentação é tão aquecido no Brasil?

Com a correria da vida moderna, que cobra cada vez mais velocidade, comer fora ou pedir comida virou parte da rotina.

E um dos motivos que ajudou a impulsionar esses novos hábitos foi o avanço das franquias de alimentação, que continuam crescendo.

Só no primeiro semestre deste ano as franquias de alimentação movimentaram R$ 21.544 bilhões, o que representa 8,1% a mais do que no mesmo período de 2017.

No ano passado, o desempenho de R$ 19.923 bilhões. Os dados foram divulgados em agosto pela Associação Brasileira de Franchising (ABF).

O aumento das receitas reflete também o sucesso de estratégias como promoções e diversificação dos canais de vendas.

Mas vale lembrar ainda de outros fatores como o aumento de tempo gasto com deslocamento entre a casa e o trabalho e no número de shopping centers.
 

 

Franquias de Restaurantes: Vantagens

Para quem quer lucrar rapidamente, empreender no modelo de negócio de franquias de alimentação pode ser uma boa oportunidade.

A principal vantagem de se investir em uma rede de franquias ou criar seu próprio negócio no setor é a certeza de que o setor vai permanecer em alta.

Afinal, a alimentação diária é uma necessidade básica e o Brasil é o quinto maior mercado de food service do mundo de acordo com o Instituto Foodservice Brasil (IFB). Então, demora para sentir os impactos da crise.

Outra vantagem é que, com a reforma trabalhista e redução do intervalo para o almoço, o tempo se tornou um bem ainda precioso.

E a facilidade e a rapidez oferecida pelas redes de franquias de alimentação ajuda a resolver esse problema exatamente no momento em que o consumidor precisa.

A variedade de culinárias aliada a um ambiente propício à inovação é outro ponto positivo para quem quer investir em redes de franquias de alimentação. Exemplos? Food trucks e containers.

Franquias de Restaurantes: Desafios

Se o mercado estar aquecido chama atenção dos empreendedores, de outro lado é importante perceber que com o crescimento do setor a concorrência também aumenta inclusive na informalidade.

Então, explorar oportunidades de nicho e incorporar tendências globais para atrair e reter clientes são boas cartas na manga.

Por isso, estudar bem o público e pensar em um diferencial que possa unir o útil ao agradável sempre cai bem.

Outros desafios para quem quer abrir franquias de alimentação são: alta carga tributária, que chega a 32,66% do PIB do Brasil, a rotatividade de colaboradores que prejudica o padrão de qualidade oferecido e as mudanças da economia.

Em todos os casos, sempre vão existir estratégias para amenizar os problemas. E ingressar no franchising ao investir em uma rede de franquias de alimentação é uma delas.

Assim, você já vai estar trabalhando para uma marca conhecida e reduzir os riscos de prejuízos.

Quer uma dica extra que ajuda a potencializar os resultados de franquias de alimentação? Investir em tecnologias para gerenciamento de bares e restaurantes como a Saipos.

A ferramenta usa inteligência artificial e computação cognitiva para facilitar a gestão do negócio e, o melhor de tudo, por um preço camarada. Experimente!

Planilha de Fluxo de Caixa Diário