QUERO FALAR COM CONSULTOR

Como montar um negócio de marmita fit?

Não sabe como conservar alimentos? Neste ebook iremos te ensinar!

Como montar um negócio de marmita fit?

O ramo de marmita fit tem se expandido a cada dia mais, por isso, abrir um negócio nessa área é uma ideia que tem grandes chances de dar certo.

No entanto, para transformar a sua ideia em um empreendimento de sucesso, é preciso seguir algumas etapas, desde a legalização do local, passando pela escolha dos cardápios e fornecedores até a entrega por delivery.

O número de pessoas que se preocupam com a alimentação é cada vez maior, e isso, além de contribuir para a saúde delas, ajuda a economia.

É possível afirmar isso porque muitas pessoas estão alcançando um ótimo faturamento apostando no nicho de marmitex fitness.

Mas não se engane, muitos locais vendem uma ideia de que trabalhar com esse tipo de negócio é muito simples e o dinheiro vem fácil. Não é assim, não, hein?!

Para conseguir ter um lucro consistente, são necessárias várias medidas que tornam o empreendimento muito mais propício ao crescimento

Por isso, a Saipos preparou esse guia para te ensinar a planejar todas as etapas do seu projeto. Confira!

Não se contente com o tradicional

Quem consome comida fitness todos os dias, está geralmente acostumado com pratos ricos em proteína, vegetais e saladas de vários tipos.

Muitas vezes, o carboidrato é evitado e até mesmo cortado de vez. Por isso, os cardápios podem parecer sempre iguais, o que faz o cliente enjoar do sabor e até mesmo desistir da sua dieta.

Quando isso acontece, fica muito mais fácil de perder a freguesia. Por isso, o segredo é inovar!

Não caia nessa ideia de que basta equilibrar os ingredientes da marmita fit. A essência de uma boa refeição vai muito além disso.

Vale lembrar que conquistar de verdade os clientes gera a possibilidade de fechar combos semanais e mensais.

Esse deve ser o seu objetivo, porque é o melhor caminho para crescer muito em faturamento.

Para isso, conquiste através do sabor dos seus pratos. Evite fazer o básico. Inove em pelo menos em um dos itens que vai compor o cardápio do dia.

A dificuldade em ter uma alimentação fitness está no preparo das refeições, e não diretamente no preço.

Por isso, se você fizer uma grande quantidade de comida em um único dia para congelar, irá economizar tempo e terá todo o trabalho de uma única vez.

Também é válido pensar em opções de marmita vegana, assim, você consegue atingir um público maior.

Conheça o que não podem faltar na marmita fit

É claro que você pode personalizar a refeição de acordo com a preferência do cliente, mas, existem algumas coisas que são consideradas tradicionais na marmita light.

Proteínas

As proteínas são fundamentais para a marmitex fitness. Elas que são responsáveis por dar a sensação de saciedade. 

Para conseguir cobrir essa necessidade, aposte nos ovos, carnes e peixe. No entanto, os alimentos que mais tem proteína podem, nem sempre ser de origem animal. Veja!

Soja

A soja é um alimento rico em nutrientes. Muitas pessoas nem imaginam o quanto ela pode ser útil no cardápio, e ainda assim muito saborosa.

A cada 100g de soja, 36g são pura proteína. Para aproveitar bem esse super ingrediente, oferecer opções como carne de soja pode ser uma ótima ideia.

Amêndoa 

Assim como a maioria das castanhas, a amêndoa traz benefícios incríveis para a saúde.

Ela tem cerca de 22g de proteína a cada 100g, e pode ser utilizada em receitas de farofa e preparos com farinhas integrais, como empadas, por exemplo. 

Chia

A chia é uma semente que pode ser inserida em diversas receitas, até mesmo junto aos refogados. Ela possui baixo índice glicêmico, por isso, se enquadra aos carboidratos bons.

As proteínas chegam a 20g em cada 100g. Viu como dá para potencializar a quantidade de proteínas na alimentação usando outros alimentos além das carnes?

Os alimentos substitutos

Mesmo aderindo a dieta fit, a grande maioria das pessoas tem dificuldade em abrir mão totalmente de alguns produtos.

Por isso, é importante encontrar os melhores substitutos para cada ingrediente. Abaixo, montamos uma lista com alguns alimentos que cumprem muito bem essa demanda. Veja.

Açúcar x mel

As calorias do mel não diferem muito das do açúcar. A diferença que, ao contrário dele, o mel não é uma caloria vazia.

Ele possui propriedade antioxidante, fortalece a imunidade, problemas digestivos e antissépticos. 

Mas para quem tem alergia ao mel, existem outras opções muito boas, como o açúcar de coco, xilitol e stevia. 

Quinoa x arroz

A quinoa é rica em ômega 3, fibras e proteínas, por isso, é perfeita para auxiliar em problemas cardiovasculares.

Para preparar, é muito simples. A receita é praticamente igual a de arroz comum, apenas precisando que os grãos sejam levados para o cozimento com 2 xícaras de água para 1 de quinoa.

Abobrinha x macarrão

É muito difícil abrir mão do bom e velho macarrão, não é  mesmo? Por isso, uma ótima opção é utilizar a abobrinha para substituir a massa. 

Para preparar, o processo é bem simples. Basta ralar o alimento (existem raladores específicos para isso) e refogar com os temperos que desejar. O sabor é ótimo e as calorias são mínimas.

Chocolate ao leite x chocolate 70%

Todo mundo sente vontade de comer chocolate de vez em quando, né? Mas sabe-se que ele é um vilão por conta das calorias, açúcar e leite.

Já os chocolates amargos, são feitos com grande quantidade de massa de cacau. Assim, ele se torna mais puro menos calórico.

Por isso, utilize também ingrediente nas receitas, principalmente nas sobremesas.

Como montar o cardápio de marmita fit?

Para elaborar um cardápio que agrade a todos, é preciso entender uma coisa: 

Serão feitas marmitas congeladas para quem adquirir os combos, mas é mais adequado vender refeições frescas para quem fizer a compra para consumir na hora.

Então, para os combos, é necessário um menu diferente para cada dia da semana, sendo que na semana seguinte, não se pode repetir a comida dos dias anteriores.

No entanto, o cardápio do dia será o mesmo definido para o combo do respectivo dia.

Abaixo, veja algumas sugestões de cardápio de almoço semanal.

Segunda- feira

Terça-feira

Quarta-feira

Quinta-feira

Sexta-feira

Panqueca de couve com guisado de carne bovina  Filé de frango grelhado Carne bovina de panela Atum ralado com molho vermelho Strogonoff Light
Purê de batata doce Quinoa cozida Purê de mandioquinha Macarrão integral  Empada de brócolis low carb
Molho de tomate fresco Brócolis com molho branco light Salada mix de cenoura e beterraba ralada Salada de pepino, tomate e repolho ralado Arroz integral com brócolis
Salada de folhas verdes com ricota e tomate cereja Refogado de abobrinha Farofa de castanhas Refogado de abóbora com milho Salada mix de folhas 

Este cardápio semanal é bastante saboroso e rico em nutrientes. Como você viu, as opções de carne mudam a cada dia, sendo utilizados o frango, carne bovina e peixe. 

Mas isso não é regra, é sempre uma boa ideia inserir uma novidade no cardápio, apenas tendo o cuidado de pedir um feedback para avaliar se as mudanças agradaram os clientes.

Também é possível separar um dia apenas para fast-food. Neste dia, receitas poderão ser adaptadas, incluindo hambúrgueres, pizzas e até mesmo tortas.

Mas quando se fala em comida fit, deve-se entender que nem sempre as dietas são iguais. 

Cada pessoa precisa de uma quantidade diferente de nutrientes, mas, na maioria das vezes, a marmita se divide em: 25% de proteína, 25% de carboidratos e 50% de legumes e vegetais.

No entanto, algumas pessoas evitam ao máximo os carboidratos, uma especificidade definida para contribuir com ganho de músculos e perda de peso.

Por isso, é importante oferecer essas opções no seu cardápio. Mas para isso, é necessário ter conhecimento sobre o assunto. 

Portanto, vamos te explicar tudo que você precisa saber sobre a dieta Low Carb para inseri-la no seu menu. Veja!

Como deve ser uma refeição low carb para marmita fit?

Uma boa alimentação low carb, como o nome já diz, precisa reduzir significativamente a quantidade de carboidratos.

Mas é preciso entender que esse tipo de alimento é muito importante para a saúde física de qualquer organismo. Por isso, cortá-lo compl grande maioria das dietas param de utilizar farinhas brancas, açúcar e arroz branco. Tudo isso precisa ser consumido na forma integral.

Dessa forma, esse tipo de dieta se baseia em consumo de alimentos que não liberam insulina, o que estimula a queima de gorduras.

Desta maneira, é ótimo que as refeições sejam ricas em gorduras boas, como as provenientes do abacate, azeites de oliva, coco, e outros, castanhas em geral  e muitas proteínas, que podem ser ovos, carne e outros.

Frutas também devem consumidas com cautela por conta da frutose, que ao ser transformada em açúcar pelo organismo, contraria o conceito da dieta low carb.

Vale lembrar que para conferir mais qualidade às suas marmitas fit, é preciso utilizar produtos de ótima procedência.

De nada adianta apresentar um cardápio visualmente lindo, mas que não foi preparado com o mesmo cuidado.

Por exemplo, usar vários vegetais, legumes e todos os cereais integrais, mas ao invés de apostar em um azeite de qualidade, usar óleo comum. 

Se você quer fazer marmitex realmente bons, precisa se atentar a tudo, inclusive ao que os clientes não veem.

A importância de ter bons fornecedores

Os fornecedores estão no topo das suas necessidades, pois só através deles você poderá ter bons produtos para utilizar nos seus preparos.

Em um primeiro momento, e dependendo do tamanho do seu negócio, é possível ir pessoalmente fazer as compras para as marmitas.

Mas com o passar do tempo, não será possível conseguir uma brecha para essa tarefa, e também, compras em larga escala poderão liberar descontos diretamente com os fornecedores.

Por isso, vale tão a pena conhecer as opções no local onde mora, e fazer o possível para comprar tudo no mesmo local, assim, é muito mais fácil conseguir descontos significativos.

Outro ponto importante é que, diferenciais sempre são bem vindos nesse segmento, então, se for possível adquirir produtos orgânicos, isso contribuiria demais para a boa imagem do seu negócio.

Lembre-se que precisará de muita carne, verduras, frutas e vegetais. Estes ingredientes são sensíveis, por isso, é tão importante que sejam adquiridos frescos, para evitar desperdícios.

Marmita fit: delivery ou ponto estratégico?

Decidir se vai trabalhar apenas com um delivery ou também com um espaço para atendimento, é uma pergunta que você deve se fazer várias vezes.

As duas opções tem lados positivos e negativos, mas é possível analisar o que é melhor para você.

Há espaço disponível para montar seu estabelecimento de marmita fit próximo a alguma academia?

Se a resposta for sim, pode ser uma escolha certeira! Ainda, é possível criar uma parceria com a academia se ela possuir um bom número de clientela.

Mas, se essa for mesmo a sua decisão, terá que considerar o fato de que é muito mais caro abrir um local para o público.

Precisará adquirir mesas, cadeiras, balcão de atendimento, além do aluguel do espaço, que  ainda pode demandar reformas, investimentos com decoração, entre outras coisas.

Mas se a sua opção for o delivery, você já começa com a vantagem da economia. Nesse caso, ainda pode tentar uma parceria com academias, o que lhe permite alcançar o seu público alvo.

Mas para fazer sucesso nessa categoria você vai precisar de um sistema que te auxilie para que tudo corra bem desde o pedido até a entrega do pedido aos clientes.

Um sistema para restaurante é fundamental

Ter um sistema para restaurante é fundamental para que você consiga atender a todos os pedidos sem confusão e falhas, e ainda por cima, economizando tempo.

O sistema para restaurantes da Saipos reúne todos os pedidos feitos para o seu negócio, integrando os que partiram do iFood, Rappi, Uber Eats, Delivery Direto, Neemo e outros.

Isso é tão importante, porque pode visualizar toda a demanda em uma só tela. Os pedidos ficam organizados de acordo com o horário de solicitação. 

Assim, fica muito mais fácil de evitar os atrasos que tanto prejudicam a imagem de um bom delivery.

E não para por aí! O sistema Saipos também te auxilia no controle de estoque e fluxo de caixa, vale a pena conferir!

Mas, para conseguir “aparecer” estando apenas nos apps de delivery, não é tão simples assim. Você terá que investir na sua identidade visual. 

O marketing é fundamental para um delivery de marmita fit

É comum acharem que o marketing é dispensável para um estabelecimento de porte menor.

No entanto, é nesse caso que ele se torna ainda mais importante, pois tem o poder de potencializar o tamanho do seu negócio.

A identidade visual 

Para ter um nome conhecido e se tornar uma marca atrativa no segmento de marmita light, é fundamental ter um identidade visual forte. Mas como fazer isso?

Identidade visual é uma maneira de organizar elementos visuais para que ao ser visto por uma pessoa, ela lembre imediatamente da sua marca. É isso que acontece quando vemos a logo do MC’ Donalds, por exemplo.

Então, uma boa maneira de começar a ter identidade visual é criando uma logo. Este símbolo vai representar o seu negócio.

É por isso que ele precisa passar uma mensagem coerente com a proposta do seu empreendimento.

Além disso está a escolha das cores que dominarão seus folders, planfletos, redes sociais, entre outros. 

Esteja presente nas redes sociais

Cada vez mais, as redes sociais tomam conta de todos os locais. Por isso, é tão importante que você domine esses espaços.

Para isso, faça um Facebook e um Instagram para o seu empreendimento. Assim, você pode aproveitar para compartilhar posts sobre o seu negócio, inclusive dentro de grupos destinados para pessoas com dieta fit. 

É sempre bom colocar imagens de marmita fit, mas não qualquer uma. As pessoas sabem diferenciar imagens reais das que são pegas através da internet.

Por isso, não abra mão de produzir suas próprias fotos, tiradas a partir dos produtos reais, que devem estar iguais aos que se recebem em casa.

Para produzir conteúdo para as redes sociais, você não precisa necessariamente contratar alguém. É possível gerenciar essa questão sozinho, se tiver experiência na área.

Priorize a excelência no atendimento

O bom atendimento é fundamental em qualquer negócio, mas quando falamos em comida, é ainda mais importante que o cliente tenha confiança em quem irá prepará-la.

Pensando pelo lado de que muitos farão as principais refeições do dia a partir das suas marmitas, é fácil perceber o quanto a confiança é um ponto indispensável.

Para que o seu cliente tenha plena segurança de que os seus produtos são feitos com higiene, cuidado e disciplina para levar o melhor alimento até ele, você precisa fazê-lo sentir-se importante.

Portanto, construa um relacionamento transparente com seus fregueses. Dê importância para os seus feedbacks e faça o possível para atender às suas expectativas.

Sem dúvidas a venda de marmita fit é uma maneira muito inteligente de lucrar, aproveitando ao máximo a abertura que o mercado tem dado para este segmento.

Então, agora que você já leu as nossas dicas, comece a planejar todas as etapas necessárias com cautela e dedicação. Se fizer isso, em breve começará a ter retorno do seu investimento.

 

Como conservar alimentos corretamente