FALE COM CONSULTOR SAIPOS

Marmitex: Entenda como montar o seu!

Marmitex: Entenda como montar o seu!

Saber como montar um marmitex requer alguns passos básicos que todo o restaurante deve seguir. O primeiro deles, é abrir um CNPJ para operação.

Dentro disso, você pode optar por ser um MEI, que trabalha com um regime muito mais simplificado do que os demais.

Depois disso, será necessário adquirir um alvará de funcionamento. Sem este documento não é possível iniciar o trabalho, então se torna obrigatório.

Com estes dois passos feitos, você só vai precisar preparar a estrutura do local, adquirindo fogão e demais utensílios para a montar um marmitex.

Os requisitos não param por aqui! É preciso dar atenção a outras questões que você pode conferir logo abaixo. Veja!

delivery marmitex

Planejamento e plano de negócio de um marmitex

Antes de iniciar qualquer negócio de alimentação, é crucial planejar bem todas as etapas. Assim, entra uma estratégia que facilita muito esse início de projeto: O plano de négocio.

Ter um plano bem estruturado vai fazer com que você enxergue de maneira fácil e objetiva as fases do seu projeto.

Por isso, separe um tempo para cuidar do seu plano. Ele deve ser elaborado da seguinte maneira:

Comece fazendo um rascunho com aquilo que você realmente quer fazer no seu negócio. Seu objetivo é o ponto principal desse plano, e todo o resto deve girar em torno dele.

Após, rascunhe os gastos com funcionários, aluguel, estoque e outros. 

Calcular o valor das despesas é fundamental, pois assim dá para entender melhor qual o valor do fundo de caixa adequado para o seu projeto.

Ainda, é necessário descrever o seu público alvo, metas para o futuro, contendo prazos estipulados para alcançar o seu objetivo.

Então, não abra mão de preparar o seu plano de negócio, assim, você não se perde no caminho quando seu negócio estiver já funcionando.

Por que é importante ter um fundo de caixa?

Um fundo de caixa nada mais é do que uma reserva financeira para momentos de crise.

Problemas que são resultado de um mês não muito lucrativo são comuns e acontecem bastante. 

Mas, mesmo que o dinheiro que você espera não entre, isso não justifica atrasar o salário dos seus funcionários e fornecedores.

Então, o fundo de caixa garante que você arque com suas responsabilidades mesmo em um momento de aperto.

Não pense em abrir as portas sem ter um fundo razoável e suficiente para seus gastos. 

Por isso, nunca gaste todo o dinheiro que você tem na fase de estruturação do seu espaço. 

Se fizer isso, estará se colocando em uma situação de risco, e no primeiro deslize, o seu empreendimento pode ir por água abaixo.

Controlando as finanças com fluxo de caixa pessoal.

Fazer uma pesquisa de concorrentes é fundamental

Os negócios de marmitex costumam fazer muito sucesso e atingir um grande número de pessoas, com um investimento acessível e lucro mais fácil que em outros segmentos de alimentação.

Por essas questões, abrir um negócio de marmitex é uma ideia que várias pessoas tem. Gerando, assim, muita concorrência.

Portanto, vale a pena experimentar as opções destes locais e analisar quais são os pontos fracos que podem ser melhorados nos seus produtos.

Com o uso dos aplicativos de delivery de comida, fica muito mais fácil comprar refeições de locais mais distantes.

Por isso, o cliente pode migrar para outro marmitex, que seja, inclusive, mais distante. Nada impede que ele vá para a concorrência.

Portanto, fique atento para melhorar continuamente o seu cardápio e conquistar a sua clientela, oferecendo o que os outros negócios desse segmento não oferecem.

Quais os equipamentos de um marmitex?

Para montar um marmitex, é importante adquirir os equipamentos necessários para tornar os preparos dos alimentos mais práticos e seguros para você e sua equipe.

É fundamental ter em mente que tempo é dinheiro, então, se houver possibilidade de comprar itens que otimizem o tempo gasto, vale a pena.  

Entretanto, há equipamentos básicos que podem fazer parte da produção dos pratos. Confira abaixo:

  • Fogão;
  • Freezer;
  • Forno;
  • Geladeira;
  • Bancadas;
  • Pia;
  • Equipamentos de cozinha;
  • Embalagens de marmitex;
  • Máquina de fechar marmitex (caso a sua embalagem seja de alumínio);

Além disso, quem está fazendo a comida deve ter muito cuidado com a higiene. Estamos falando do preparo de alimentos.

É muito importante que seus consumidores percebam a sua preocupação com a limpeza e higiene do local de trabalho e a qualidade do que você está entregando aos seus clientes. 

Por isso, é necessário investir também em itens que garantam a higiene dos pratos, como por exemplo:

  • Touca;
  • Avental;
  • Luvas.

Entenda como abrir um marmitex pode ajudar você.

Como planejar um cardápio para marmitex?

Logo de início, até que seu negócio fique conhecido, você pode começar a oferecer um cardápio saboroso e bem feito, mas que seja simples.

Optar pelo mais fácil não é uma questão de desleixo, e sim uma maneira de evitar gastos desnecessários.

Então, primeiro, você deve buscar entender qual vai ser o seu público alvo, pois hoje já existem diversos tipos de marmitex. Isso pode facilitar na elaboração dos pratos que você servirá.

Dessa forma, se a ideia for vender a sua refeição para pessoas que precisam de uma alimentação especializada, poderá focar em um marmitex saudável ou regrado em relação a quantidade de proteínas ou carboidrato.

Como já falamos, ao começar este projeto, escolha receitas tradicionais e que todo mundo gosta. Aos poucos, pode passar a inserir complementos mais elaborados. 

Até porque, após algum tempo de serviço, será mais fácil analisar qual é a preferência da freguesia. 

A partir disso, você pode oferecer um menu variado durante a semana. É possível vender uma opção diferente a cada dia ou permitir que seu cliente monte a sua refeição de acordo com as  possibilidades disponíveis.

Manter uma única opção de cardápio marmitex quando se está começando é mais interessante, já que assim você consegue fazer um estoque único e também se especializa no preparo.

Agir dessa forma, evita perdas e desperdícios, além de ajudar no controle das suas finanças, já que fica mais simples de definir o valor gasto em cada prato.

Principais tipos de comida no cardápio:

  • Arroz;
  • Feijão;
  • Massa;
  • Empanado;
  • Carne;
  • Salada (dois tipos).

Além do marmitex tradicional, com a comida do dia a dia, você pode inovar oferecendo opções específicas.

Um cardápio de marmitex pode garantir a felicidade do seu cliente, pois dá a possibilidade de planejar as refeições.

Marmitex fitness

O mercado de marmitex possui muita variedade, e pode ser explorado de várias maneiras.

Isso porque, a falta de tempo e a correria do dia a dia fazem esse tipo de refeição serem atrativas para muitas pessoas, pelo custo benefício.

Por isso, é interessante atender a todos os tipos de preferência, e nos dias de hoje, oferecer um cardápio fitness é fundamental.

Nesse ponto, é possível especializar-se apenas nessa categoria, ou manter o cardápio tradicional, sem abrir mão da possibilidade de uma refeição saudável.

Ideias de cardápio para marmitex fitness

Os alimentos que compõem uma boa marmita fitness não são nada complexos. Quando você se dispõe a vender esse tipo alimento, precisa entender mais sobre cada tipo de dieta.

Isso porque, para ser fitness, além de ser saudável, a refeição precisa respeitar a quantidade de calorias e níveis de carboidrato, proteína e outros.

Por isso, essas dicas são apenas sugestões, que devem ser adaptadas de acordo com o  tipo de dieta do cliente.

  • Almôndegas;
  • Arroz de couve-flor;
  • Arroz integral de forno;
  • Chips de batata doce;
  • Crepioca;
  • Espaguete de abobrinha;
  • Legumes gratinados;
  • Pasta de grão de bico;
  • Peito de frango grelhado;
  • Purê de batata doce;
  • Purê de mandioquinha;
  • Salada de atum;
  • Saladas simples;
  • Strogonoff de cogumelos;
  • Torta de espinafre.

Como você pode ver, a maioria dos ingredientes utilizados para compor um marmitex fitness são simples. 

Por isso, preparar uma refeição saborosa e que atenda as necessidades do cliente requer apenas criatividade e controle da quantidade de cada alimento.

Lembrando que, se possível, deixá-lo montar o cardápio semanal com os ingredientes que deseja é um diferencial e tanto.

Qual o investimento em um marmitex delivery?

Montar um marmitex requer, como qualquer outro negócio de alimentação, um bom investimento.

Apesar do valor necessário ser inferior ao que outros modelos necessitam, é importante pensar no gasto que você terá.

Mas, nada é obrigatório. O negócio de marmitex permite que você trabalhe seu orçamento de acordo com o que pode investir, sem imposição de etapas de processo que são mais caras.

Veja quais investimentos são mais consideráveis:

Espaço físico

Um dos investimentos, apesar de estarmos falando também de marmitex delivery, é o ponto de venda.

É importante que o seu negócio tenha um local fixo, onde haja espaço de produção e que seus clientes tenham como referência.

Além do local, você terá outros gastos como o da abertura da sua empresa, com materiais de divulgação e com a compra dos primeiros produtos para a produção.

Também é necessário que você separe um valor para despesas inesperadas, que sempre surgem quando se está abrindo um negócio.

Outro investimento que você terá é com a estrutura do seu negócio. Por isso, é importante saber quais equipamentos sua cozinha deve ter.

Talvez no início você mesmo consiga dar conta da produção de marmitex, mas dependendo da demanda, em breve precisará de funcionários, e é disso que falaremos agora!

Atendimento de qualidade

Não é só a comida que é importante quando se compra um marmitex. Por isso, precisará investir em algo que vai além da parte financeira. Este investimento está ligado ao bom atendimento. 

Ainda que o seu local não possua um espaço para receber os clientes para que façam as refeições, certamente terá contato com eles por Whatsapp, ligações, e até mesmo na entrega.

Uma pessoa que se compromete a entregar refeições de qualidade diariamente, precisa demonstrar interesse com a opinião do consumidor.

Eles precisam confiar no seu estabelecimento. Saber que a sua comida foi preparada corretamente, feita com cuidado em um local limpo, conta muito para o sucesso do seu marmitex.

Por isso, motive os seus funcionários para que atendam da melhor maneira cada pessoa que comprar a refeição.

Investimento dentro do negócio de marmitas[/caption]

Quais são as vantagens de vender Marmitex?

Uma das vantagens de vender marmitas é que você pode montar um prato com quantidade padrão de comida. Isso torna o preço final da sua produção mais barata.

Entretanto, isso não quer dizer que a comida servida não deva ter qualidade. Para se manter neste mercado é importante oferecer um bom produto.

A qualidade é fundamental, já que esse nicho tem crescido cada vez mais. As três principais vantagens para seu cliente que adquirir seu produto devem ser:

  • Praticidade;
  • Rapidez;
  • Custo.
Praticidade: Para o cliente, não é necessário sair de onde está para fazer suas refeições, e nesse segmento, isso é o que mais contribui para a eficiência  do empreendimento.

Rapidez: A comida geralmente já está pronta, pois o cardápio é feito com antecedência. Dessa forma, a entrega do pedido é feita de forma mais ágil.

Custo: como já falamos, o custo da produção sai mais barato por você estar oferecendo um prato padrão. Além disso, é possível organizar melhor o seu estoque de forma que não existam perdas.

Mas é muito importante que você entenda como cobrar e como calcular o custo de um marmitex, caso contrário seu negócio pode sofrer sérias consequências financeiras.

Fique atento com essa parte! A marmita é caracterizada pelo seu valor acessível, todavia, não será vantajoso vender por um custo muito baixo ou muito alto.

Se for necessário, faça uma consultoria financeira com um profissional. O importante é chegar em um consenso de valores.

Marmitex delivery

Vender comida por delivery exige muito mais cuidados por parte de quem a produz. Isso porque é importante mostrar qualidade nos produtos aos seus clientes.

Ter uma boa apresentação da marmita, ter cuidado com a higiene do seu local de trabalho e na hora da montagem dos pratos, são passos importantes para que seus consumidores aprovem seu negócio.

Quando um negócio de alimentação se propõe a fazer entregas por delivery, é preciso estar atento ao transporte, para que nada chegue com problemas até a mesa do cliente.

Escolher embalagens próprias para o seu tipo de comida é fundamental para que tudo se saia bem.

Se o consumidor receber um marmitex todo misturado, com quantidades que não condizem com a imagem que viu, ele certamente experimentará as opções do concorrente.

É por isso que é tão importante ter cuidado com a apresentação do seu prato. Ele deve chegar ao consumidor da mesma maneira que estava antes do transporte.

Tenha um sistema para restaurante!

Para te auxiliar na entrega, a melhor maneira de vender marmitex é através do aplicativos de comida, como o Rappi, iFood, Uber Eats, Delivery Direto e Neemo. 

Portanto, um jeito simples de reunir as vendas de cada uma das plataformas em um só lugar é utilizando um sistema para restaurante.

Para isso, a Saipos é uma ótima alternativa. Com esse sistema dá para controlar todos os pedidos pela ordem correta, o que evita atrasos e confusões.

Além disso, a Saipos oferece uma gama de soluções para todos os processos do seu negócio, olha só!

  • Emissor de cupom fiscal eletrônico;
  • Emissor de cupom fiscal via SAT;
  • Diferentes módulos de venda;
  • Gestão de garçons;
  • Integração com os principais aplicativos de delivery;
  • Suporte todos os dias;
  • Monitoramento de pedidos;
  • Gestão financeira;
  • Gestão de motoboys;
  • Gestão de loja e cardápio;
  • Gestão de clientes;
  • Controle de estoque.

Para conhecer mais sobre o sistema da Saipos, clique no banner abaixo!

Você tem duvidas do por que utilizar o sistema Saipos? Entre em contato e acompanhe uma demonstração gratuitamente.

Divulgação de um marmitex

Fazer a divulgação do seu negócio pode trazer muito sucesso ao seu empreendimento. Por isso, faça a sua marca ficar na mente dos seus clientes.

Por isso, é muito importante que seja feita uma divulgação para adquirir novos clientes.

Para fazer isso, você pode criar materiais, como panfletos e enviar junto com a refeição. Também, dá para distribuir o material em locais estratégicos.

Além disso, você pode criar banners e faixas com divulgação do seu negócio. Criar um folder com seu cardápio da semana, por exemplo, também pode chamar atenção do público.

Outra ideia é investir em redes sociais do seu estabelecimento ou, ainda, desenvolver campanhas de fidelidade.

Crie programas desse tipo, como aqueles de descontos ou que ofereça uma marmita grátis, após um número de marmitex compradas.

Instagram

No Instagram, o foco são as imagens. Por isso, capriche para produzir fotos de qualidade, afinal, o cliente também come com os olhos.

Para criar imagens atrativas você só precisa de um local com iluminação boa, uma câmera com resolução adequada, e o seu produto – o marmitex – bem preparado e com ótima aparência.

É importante que as fotos retratem exatamente o que você vende, sem exageros ou propaganda enganosa. 

Utilizar imagens que claramente são da internet prejudica muito a confiança do cliente sobre a sua comida, porque ninguém vai comprar uma refeição sem nem ao menos ver como ela é.

Facebook

Se construir a sua imagem fortemente na internet estiver nos seus planos, é importante ocupar o maior número de plataformas possíveis.

No Facebook, há uma maneira de divulgar suas marmitex que o Instagram não possui.

Trata-se dos grupos de venda, também conhecidos como Briques. Através deles, é possível alcançar milhares de pessoas, apenas compartilhando posts do seu perfil. 

Uma ideia é utilizar esses espaços para divulgar promoções, assim com  certeza novos clientes virão.

Whatsapp 

Outra forma de divulgação do seu negócio e do cardápio do dia, é o whatsapp. Há muitas empresas que já utilizam essa tecnologia para divulgação e vendas.

Você pode utilizar o aplicativo para mostrar o que será servido e as promoções que é possível adquirir.

Outra utilidade que o app pode ter no seu estabelecimento é permitir que seus clientes façam pedidos por esse canal de comunicação. Utilizar a plataforma para pedidos vai tornar tudo mais rápido e prático.

Agora que você já sabe como montar um negócio de marmitex, separe um tempo para montar o seu plano de negócios com todas as etapas que citamos aqui. Boa sorte!

 

Resumo

Baixe Materiais Gratuitos